quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

a origem de lúcifer

Estudos sobre lúcifer
Uma palavra introdutória o as unto a ser estudado é complexo do ponto de vista bíblico por as escrituras não dar todos os relatos do as unto em si mesma, mas precisando muito do estudioso ser flexível em sua Ana leses bíblica não temos muitos que construir dentro da exegese e das hermenêuticas, mas teremos que depender da ajuda do espírito santo e bastantes desgastes na análise se você tiver um ponto de vista diferente e ou não concordar fique tranqüilo a mais de milênios concórdia e dês concórdia vem sendo debatidos do assunto aprecie pastor Agnaldo de Freitas.
A nossa primeira análise bíblica será sobre lúcifer ou conhecido como o anjo caído referencia bíblico livro de Isaías cp. 14 versículos 12 a 15 também livro de Ezequiel cp. 28 versículo 14 e 15 lembrando que nestas passagens os personagens dos textos literalmente se referem à babilônia no caso de Isaías e de Ezequiel refere se ao rei de tiro somente o pano de fundo das referencias citadas entendemos que a ele se faz a alusão outras referencias livro de João chamado apocalipse cp. 9 versículo 11 tirando estas passagens diretas temos som entes alusões e indiretamente ou por meios de poesia alegorias etc.
A palavra lúcifer usada por são Jerônimo tradutor da vulgata latina no ano de 405 depois de cristo é estrela da alva ou estrela que brilha estrela da manhã cristo também tem este titulo veja a segunda carta de Pedro cp. 1 versículo 19 parte final ali requeresse a cristo vejamos também o apocalipse de João cp. 22 v 16 veja nesta passagem cristo tem o titulo de lúcifer a resplandecente estrela da manhã então temos que ter cuidado com os textos e traduções que empregamos lúcifer é sempre citado por está titulo, mas a bíblia também requeresse a cristo com este titulo.
1 - ANJOS
A palavra "anjo" (b. Malan; gr. Ang elos) significa "mensageiros". Os anjos são mensageiros ou servidores celestiais de Deus (B 01h13min, 14), criados por Deus antes de existir a terra ( 38:4? sete; Seus 148:2, cinco; Cl 01h16min).
No Apocalipse os anjos são descritos como mensageiros de Deus, questionadores da verdade, libertadores de forças espirituais, guerreiros, portadores de oráculos, guardadores de cidade, soldados nas batalhas espirituais, anunciadores de juízo e adoradores incessantes na presença de Deus.
1.1 - ANJOS CAÍDOS
A Bíblia fala em anjos bons e em anjos maus, embora ressalte que todos os anjos foram originalmente criados bons e santos Tendo livre?Arbítrio, numerosos anjos participaram da rebelião de Satanás 2 Pedro 2 v 4; Jd 6; AP 12 v 9) e abandonaram o seu estado original de graça como servos de Deus, e assim perderam o direito à sua posição celestial
Satanás na sua rebelião contra Deus arrastou consigo uma grande multidão de anjos das ordens inferiores (AP 12:4) que talvez possam ser identificados (após a sua queda) com os "principados", "potestades", "dominadores deste mundo tenebroso" e "forças espirituais do mal", conforme escreveu o apóstolo São Paulo no capítulo 6 de sua epistola aos Efésios.
Satanás e muitos desses anjos inferiores decaídos foram banidos para a terra e a sua atmosfera circulante, onde operam limitados segundo a vontade de Deus
Hoje, parte deles se acha presa em algemas eternas (II Pedro 2:4; Jd seis), aguardando o juízo do grande dia, enquanto que a outra parte habita as regiões celestes e agem revelando constantemente sua inimizade contra Deus (AP 12:7), e procuram a destruição do homem, causam-lhes males na alma ( 13v27; At. 5:3; no corpo (Luc 13v11a 16) e em suas possessões terrenas ( 01v12min; MT 8:3I, 32I).
A fúria dos anjos maus também está especialmente dirigida contra a Igreja de Cristo, portanto:
(A) continuamente procuram destruí-la por suas investidas em geral (MT 16v18);
b) tentam impedir os ouvintes de que aceitem os favores do Evangelho (Luc 08v12);
c) disseminam doutrinas errôneas (MT 13v2; I Tem 4:1),
d) incitam a perseguição ao reino de Cristo (AP 12:7).
Contudo, diz a Bíblia que todos eles serão julgados (II PE 2:4; Jd seis), e lançados no lago de fogo juntamente com Satanás (MT 25v41; AP 20v10, 14), de onde jamais sairão.
Nota - lendo Apocalipse nove, podemos ver que esses anjos e espíritos maus que estão no inferno, presos em algemas eternas, terão uma permissão breve para saírem do inferno e somarem esforços com Satanás na terra no período da Grande Tribulação. Eles terão a forma estranha de gafanhotos. É uma espécie de querubins do inferno, em todos os sentidos contrários aos seres vivos que estão diante do trono, no céu.
1.1.1 - OS ANJOS CAÍDOS OPÕEM-SE AOS SALVOS
Depoimento Bíblico
"A nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim, contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes." (efésios 6v12)
Agora vamos as suas classificações - OS ANJOS E SUAS CATEGORIAS SERAFIM
Os serafins são uma categoria bem superior de anjos. “No hebraico serafim significa “queimando, furioso” ou exaltado, alto”. Eles ardem em sua imensa dedicação ao Senhor. Esta devoção fervorosa a Deus pode ter sido resultado da elevada e exaltada posição no Trono. Isaías é o único escritor bíblico que menciona estas criaturas fantásticas.
"No ano da morte do rei Usinas eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as asas de suas vestes enchiam o trono. Serafins estavam por cima dele; cada uma tinha seis asas: com duas cobriam o rosto, com duas cobriam os pés e com duas voavam e clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos, toda terra está cheia de sua glória" (Isaías 6v1-3).
O que parece é que os serafins supervisionam o louvor a Deus. Eles proclamam sua santidade. Podemos ser alçados até o lugar do trono de Deus, louvando e exaltando sua santidade em nossa vida.
QUERUBIM
A primeira menção a uma ordem de anjos é à dos querubins. Vemo-los guardando a entrada no Jardim do Éden, após a expulsão de Adão e Eva.
"E, expulso o homem, colocou querubins ao oriente do Jardim do Éden, e o refulgir de uma espada que se revolvia, para guardar o caminho da árvore da vida" (Gênesis 3: 24).
A outra referência aos querubins, e sua descrição, acontece no relato da decoração do tabernáculo.
"Farás dois querubins de ouro; de ouro batido os farás, nas duas extremidades do propiciatório; os querubins estenderão as suas asas por cima, cobrindo com elas o propiciatório; estará ela de faces voltadas uma para a outra, olhando para o propiciatório" (Êxodo 25v18a, 20).
Nem todo o anjo tem asas, mas os querubins - assim diz a palavra - as têm, e elas cobrem o propiciatório. Eles parecem estar intimamente ligados à presença Deus e nossa redenção. Ezequiel os menciona no capitulo 10, bem como João, no livro do Apocalipse, capitulo quatro, chamando-os de "criaturas vivas".
ARCANJO
A Bíblia identifica o arcanjo como "chefe (significado de "arqui"). Apesar de ser possível que exista outros (Gabriel pode ser um deles), Miguel é o único arcanjo mencionado pelo nome:
"Contudo o arcanjo Miguel quando contendia com o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés, não se atreveu a proferir juízo infamatório contra ele; pelo contrário, disse: o Senhor te repreenda" (Judas nove)
Miguel significa: "quem é como Deus”?”Sabemos por Daniel (10v13) que Miguel é”... um dos primeiros príncipes (-) " Estas autoridades angelicais estão constantemente envolvidas em lutas em defesa de povo de Deus. Miguel contendeu com o diabo em relação ao corpo de Moisés. Nós o vemos novamente batalhando com o diabo no livro de Apocalipse:
"Houve peleja no céu. Miguel e seus anjos pelejaram contra o dragão. Também pelejaram o dragão e seus anjos, todavia não prevaleceram; nem mais se achou no céu o lugar deles." (Apocalipse 12: 7,8)
Miguel parece ter um interesse muito especial pela nação de Israel. Durante a grande tribulação ele lutará em favor dos Judeus:
"Nesse tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, o defensor dos filhos do teu povo, e haverá tempo de angústia, qual nunca houve desde que houve nação até aquele tempo, mas naquele tempo será salvo o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro" (Daniel 12:1)
Agora que aprendemos mais sobre as classificações dos anjos baseado em apocalipse cp. 9 v11 ainda que a bíblia não diga podemos perceber que se trata de um arcanjo de alta patente, pois ele é a aba dom ou apoliom aquele que é destruidor ou pai da destruição e ele são chefe dos gafanhotos, ou seja, os anjos caídos com lúcifer em sua queda que não poderá ficar solto como o pro pio lúcifer segunda carta de Pedro cp. 2 versículo quatro e Judas versículo seis.
Vamos ler atentamente a passagem bíblica e fazermos algumas comparações livro de Ezequiel cp. 28 v 11ao 17.
O texto em foco é uma mensagem de juízo ao rei de tiro que foi uma grande potencia mercantilista no passado por sua rota comercial que é o, pais do oriente médio o Líbano.
Em meio esta mensagem de juízo o senhor revela o episodio do assunto sobre o anjo lúcifer e o jardim do edem mineral, a onde este querubim foi colocado para guardar.                                     1°- o anjo é o aferidor da medida que no original é selo autenticidade Ezequiel cp. 28 v 12.
2°- o anjo esta em um paraíso mineral precioso que foi criado como lugar especial e ali pode louvar o criador com sua adoração por isto as obras de musicas Ezequiel cp. 28 v 13.
4°- um anjo que foi ungido para proteger, ou seja, um guardião de primeiro escalão como o arcanjo Miguel o poderoso general de Deus Ezequiel cp. 28 v 14.
5°- um ser criado em perfeição e sem pecado e sem iniqüidade Ezequiel cp. 28 v 15.
Vejamos algumas considerações antes de narrarmos sua queda, Por ser uma obra prima das criações de Deus tem o selo de ser único, e autenticidade no singular que é a mais perfeita das criações, que não foi criado em pecado e nem para pecar mesmo tendo o livre arbítrio, e com esta liberdade de escolha.                                                            Mesmo sendo o aferidor da medida e perfeição não quer dizer que ele esta acima dos outros anjos criados, e também não foi uma espécie de cobaia para os outros anjos como muitos pensão.                                                                   Pois todos os anjos foram criados em igualdade espiritual, ainda que tenham graus diferenciados, na escala de servir que podem ser guardiões ou mensageiros das mensagens celestiais, ou só adorar e louvar.
Este querubim foi colocado aqui no jardim do edem mineral para guardar este lugar que não é o céu de Deus como muito pensão ser, e também o senhor queria ver sua liberdade de escolha caso sua escolha fosse outra notem que ele diz eu subirei aos mais altos céus então esta na terra iz cp 14 v 12 e 13.
1- Porque vejamos, foi colocado como guarda deste lugar, eis a minha pergunta você colocaria um guarda para guardar sua casa se não houvesse ladrão?
2- Como uma criatura perfeita e sem pecado pecaria, sem ser influenciado a pecar, a não ser que houvesse uma força espiritual que mostrasse a ele que ele poderia ser igual a Deus, e não necessitaria mais de serviço será que poderia existir uma força espiritual ali?
Observem bem atentamente que a iniqüidade aparece, veja o sinônimo achou veio aparecer, depois foi encontrado porque só depois que este guarda foi posto sozinho na terra mineral é que aparece a iniqüidade veja o espaço de tempo entre a sua criação e estar no paraíso terrestre mineral Ezequiel cp.28 v 15.
Vejamos agora a sua queda.
1°- com o aparecimento da iniqüidade e pecado no interior do anjo sua personalidade muda ele passa a ser um ser violento e perigoso Ezequiel cp.28 v 15 e que não pode mais viver ali naquele lugar, pois futuramente vai ser o jardim do edem vegetal e habitação humana de adão e Eva verem livro de Genesis cp. 2 v oito.
2°- com sua iniqüidade agora ele começa a pecar os pecados espirituais variados como o orgulho espiritual e jactância e tem os olhos abertos e se acha o ser mais importante e soberano que existe Ezequiel cp.28 v 15.
3°- o querubim já se achando onipotente quer subir a habitação celestial de Deus e não mais viver na terra, pois esta não tinha ninguém, a não ser ele mesmo e aspira ao trono no céu ver Isaías cp. 14 v 13 e 14.
4°- o querubim voa para as mansões celestiais e habitação de Deus e antes de consumar seu plano Mali guino, ele se encontra com os principado e potestade do bem os guardiões celestiais que ele acaba influenciando, uma terça parte deles, para rebelar-se mostrando que eles têm os seus livres arbítrios para fazer o que quiserem e não necessita servir o seu criador, entretanto as outras partes se mantiveram fiéis a Deus apocalipse cp.12 v 4.
5°- o querubim já nas regiões celestiais e com sua terça parte de anjos rebelados recebem a punição de Deus que os lança por terra e são aprisionados no poço do abismo lugar de escuridão e trevas Isaias cp. 14 v 15.
6°- uma parte destes anjos se tornou tão furiosos que não poderão ficar solto tiveram que ser aprisionado no poço do abismo junto com seu chefe lúcifer o arcanjo das trevas, pois se ficassem soltos destruiria a humanidade que o senhor criara depois 2 carta de Pedro cp. 2 v 4 ver livro de Judas v 6 apocalipse cp. 9 v 2 a 11.
7°- nem todos os anjos ficaram presos no poço do abismo, mais ficaram soltos e juntamente com satanás, se transformaram nas potestades do ar e entidades espirituais da maldade em lugares celestiais, livro de efésios cp. 2 v 2 ver efésios cp. 6 v 12.
Aqui fica a nossa pergunta se o anjo lúcifer esta preso, pois se transformou em um arcanjo das trevas e chefe destes anjos que também estão presos juntos e que serão solto só no período da grande tribulação apocalipse cp. 9 v 11 então quem é o satanás que está solto? Bem depois que o senhor prendeu lúcifer e os guardiões perversos os anjos demônios furiosos ele desliga as alavancas do tempo e a terra se torna caótica e vazia quanta tempo durou não sabemos poderá terem ocorrido milhões de anos e segundo o relato de Jô cp 1 v 7 e também efésios cp 2 v 2 satanás esta solto e não pode ser lúcifer.



Nenhum comentário:

Postar um comentário